De outros

Jamie Oliver quer que Brad Pitt interprete ele em 'Food Fight'

Jamie Oliver quer que Brad Pitt interprete ele em 'Food Fight'



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

O famoso chef britânico acha que esse galã de Hollywood é a melhor opção para interpretá-lo em uma nova comédia sobre sua vida

Jamie Oliver disse que quer que Brad Pitt o interprete em um filme baseado na vida de Oliver.

O Daily Meal relatou na semana passada que um filme vagamente baseado na vida de Jamie Oliver está em andamento. Ryan Seacrest está na programação para produzir a comédia chamada Guerra de comida, e os comediantes Will Ferrell e Seann William Scott estão sendo considerados para os papéis principais. Mas Jamie Oliver tem outra coisa em mente.

Leia mais: Filme inspirado em Jamie Oliver a ser produzido por Ryan Seacrest

"Eu quero que Brad Pitt jogue comigo", disse Oliver TODAY.com em Londres. "Ele é o único cara que eu quero. Seria um bom trabalho para Brad conseguir - acho que seria bom para ele começar a cozinhar a sério."

Oliver sempre sonha alto e admite: "Minhas metas estão altas." Mas como um dos melhores e mais atraentes atores de Hollywood, Pitt é muito procurado. De acordo com Oliver, se Pitt estiver muito ocupado para pular no Guerra de comida movimento, Matt Damon seria o próximo na fila.

(Foto modificada: Flickr/DoDNewsFeature)


& # x27Você gosta de feijão cozido? & # x27

Judith No sábado, cozinhei macarrão com ervilha e bacon.

Judith E ontem eu fiz uma torta de peixe.

JO Oh, muito bem.

Judith E eles foram muito legais.

JO Você recebeu o polegar da família?

Judith Bem, eles acharam que a torta de peixe estava um pouco seca, mas só percebemos que você deveria adicionar o crème fraîche depois.

JO Você sempre cozinhou?

Judith Acho que comecei porque, quando era pequena, minhas irmãs iam para a escola e eu e minha mãe preparávamos bolos de fada. Devo começar com minhas perguntas?

JO Sim, por favor, querida.

Judith Qual seria o seu trabalho se você não fosse um chef?

JO Provavelmente seria carpinteiro. Porque não sou muito bom sentado em uma mesa ou acadêmico. Sou melhor com as mãos e sempre adorei a ideia ligeiramente romântica de começar com pedaços de madeira e poder criar algo para sentar, comer e guardar suas roupas.

Judith OK. Qual é a sua comida caseira favorita?

JO Provavelmente uma tigela de massa apimentada com uma salada picante. Eu amo macarrão.

Judith Quando você era estudante, você cozinhava feijão na torrada e em outras comidas dos alunos?

JO Sim. Eu cozinhei quase tudo, na verdade. Eu sabia cozinhar desde muito jovem - simplesmente porque gostava. Nada fofo, parecia omelete, ovo mexido, passou a pizzas ...

Judith Quais três receitas você não poderia viver sem?

JO Oof. Frango assado da minha mãe no domingo. Definitivamente macarrão. Um ... um bife realmente bom.

Judith Qual pessoa famosa você mais gostou de conhecer?

JO Ooh, boa pergunta ... Acho que Brad Pitt.

Judith Quando você o conheceu?

JO Em seu 40º aniversário. Eu era seu presente e eles me trouxeram da Inglaterra. Eu fui a surpresa e preparei um lindo jantar para ele, e ele tinha cerca de 12 amigos ao redor da mesa e eram todos pessoas que você reconheceria. Ele é um cara muito legal, muito divertido, generoso, e eu o vejo desde então.

Judith Qual foi o maior erro que você cometeu na televisão?

JO Provavelmente quando estava trabalhando no Japão. Eu estava fazendo um prato de massa e tinha acabado de comprar uma faca parecida com um samurai japonês de £ 350, feita de aço carbono de excelente qualidade, e acabei cortando metade do meu dedo, ao vivo na televisão. Tive de fingir que nada aconteceu e enrolar a toalha no dedo para que não vissem o sangue escorrendo. Continuei cozinhando como um puro profissional, mas não disse a eles que havia um pouco do meu dedo nisso. E então eles comeram! No Japão, eles fazem anúncios ao vivo no mesmo estúdio. Então, quando eles cortaram para anúncios, eu disse, "AAAAAAAAGH!" e o anúncio estava a cerca de cinco metros de mim, ao vivo. Esta pobre mulher estava tentando vender alguma versão do Daz Automatic, e por cerca de quatro segundos lá estava eu ​​gritando.

Judith Em casa, qual é a sua refeição favorita para cozinhar?

JO Eu adoro assar porque você pode dar amor, colocar no forno e ir brincar com as crianças ou o que quer que você tenha que fazer, e então, horas depois, você tem um jantar adorável. Além disso, minha esposa é obcecada por jantares assados ​​- ela me obriga a fazer molho extra.

Judith Se você pudesse reviver qualquer uma de suas memórias, quais seriam?

JO Hum. Uau. Provavelmente quando conheci minha esposa, Jools. Foi muito emocionante, e eu nunca tive uma namorada adequada - bem, não tinha me apaixonado antes - e essa é uma época muito emocionante. É embaraçoso falar sobre isso, mas quando você se conecta com alguém e sente que tem algo especial, é sempre uma pequena lembrança dourada. E então, com sorte, você acaba se casando e o amor se transforma em outra coisa. Quando conheci minha esposa, ela tinha cabelo igual ao seu, na verdade, e costumava usar cordas de cano de esgoto e botas DM. Acho que ela era gótica ou algo assim. A primeira coisa que ela fez foi olhar para mim e cair. Então, obviamente, era para ser assim. Você tem namorado?

JO Continue assim!

Judith Qual foi o seu maior desafio?

JO Oh Deus. Bem, além de tentar ser um bom pai e um bom marido, no qual você tem que trabalhar duro, acho que provavelmente o projeto que acabei de fazer, o Ministério da Alimentação. Eu realmente não gosto de ir a lugares onde você vai sofrer, mas fiz disso um hábito. [Risos] Mas às vezes você tem que fazer o que tem que fazer. E vale a pena no final. Jantares escolares era o mesmo. Sofri muitos abusos durante dois anos, mas foi importante.

Judith Você manteve contato com a Nora e as escolas envolvidas nos Jantares Escolares do Jamie?

JO Sim, eu a vi cerca de três semanas atrás. Embora tenhamos tido um começo difícil porque viemos de mundos diferentes, eu iria mais longe e diria que agora nos amamos. Eu a conhecerei pelo resto da minha vida. Ela é uma trabalhadora incrivelmente árdua que envergonharia a maioria dos chefs. Eu a apresentei ao Príncipe Charles uma vez e foi hilário, porque ela era exatamente a mesma. Ela o teria irritado se ele tivesse dito algo fora do lugar.

Judith Houve algum momento em sua carreira em que você quis desistir?

JO O tempo todo, com certeza. Eu chamo isso de paranóia criativa, questionar-se diariamente, de hora em hora. Como este programa que tenho no momento, provavelmente pensei em desistir dele seis ou sete vezes, mas então algo mágico aconteceria com alguém.

Judith Você tem alguma dica para crianças que querem cozinhar?

JO Sim, tente convencer mamãe e papai a deixar você fazer isso. Faça uma bagunça uma vez por semana. Sabe, fique preso. Se você realmente gosta de comida, não há nada como conseguir um emprego em um restaurante ou pub local. O que aprendi no pub do meu pai quando estava trabalhando para ganhar minha mesada, ainda uso hoje.


& # x27Você gosta de feijão cozido? & # x27

Judith No sábado, cozinhei macarrão com ervilha e bacon.

Judith E ontem eu fiz uma torta de peixe.

JO Oh, muito bem.

Judith E eles foram muito legais.

JO Você recebeu o polegar da família?

Judith Bem, eles acharam que a torta de peixe estava um pouco seca, mas só percebemos que você deveria adicionar o crème fraîche depois.

JO Você sempre cozinhou?

Judith Acho que comecei porque, quando era pequena, minhas irmãs iam para a escola e eu e minha mãe preparávamos bolos de fada. Devo começar com minhas perguntas?

JO Sim, por favor, querida.

Judith Qual seria o seu trabalho se você não fosse um chef?

JO Provavelmente seria carpinteiro. Porque não sou muito bom sentado em uma mesa ou acadêmico. Sou melhor com as mãos e sempre adorei a ideia ligeiramente romântica de começar com pedaços de madeira e ser capaz de criar algo para sentar, comer e guardar suas roupas.

Judith OK. Qual é a sua comida caseira favorita?

JO Provavelmente uma tigela de massa apimentada com uma salada picante. Eu amo macarrão.

Judith Quando você era estudante, você cozinhava feijão na torrada e em outras comidas dos alunos?

JO Sim. Eu cozinhei quase tudo, na verdade. Eu sabia cozinhar desde muito jovem - simplesmente porque gostava. Nada fofo, parecia omelete, ovo mexido, passou a pizzas ...

Judith Quais três receitas você não poderia viver sem?

JO Oof. Frango assado da minha mãe no domingo. Definitivamente macarrão. Um ... um bife realmente bom.

Judith Qual pessoa famosa você mais gostou de conhecer?

JO Ooh, boa pergunta ... Acho que é Brad Pitt.

Judith Quando você o conheceu?

JO Em seu 40º aniversário. Eu era seu presente e eles me trouxeram da Inglaterra. Eu fui a surpresa e preparei um lindo jantar para ele, e ele tinha cerca de 12 amigos ao redor da mesa e eram todos pessoas que você reconheceria. Ele é um cara muito legal, muito divertido, generoso, e eu o vejo desde então.

Judith Qual foi o maior erro que você cometeu na televisão?

JO Provavelmente quando estava trabalhando no Japão. Eu estava fazendo um prato de massa e tinha acabado de comprar uma faca parecida com um samurai japonês de £ 350, feita de aço carbono de excelente qualidade, e acabei cortando metade do meu dedo, ao vivo na televisão. Tive de fingir que nada aconteceu e enrolar a toalha no dedo para que não vissem o sangue escorrendo. Continuei cozinhando como um puro profissional, mas não disse a eles que havia um pouco do meu dedo nisso. E então eles comeram! No Japão, eles fazem anúncios ao vivo no mesmo estúdio. Então, quando eles cortaram para anúncios, eu disse, "AAAAAAAAGH!" e o anúncio estava a cerca de cinco metros de mim, ao vivo. Esta pobre mulher estava tentando vender alguma versão do Daz Automatic, e por cerca de quatro segundos lá estava eu ​​gritando.

Judith Em casa, qual é a sua refeição favorita para cozinhar?

JO Eu amo assar porque você pode dar amor, colocar no forno e ir brincar com as crianças ou o que quer que você tenha que fazer, e então, horas depois, você tem um jantar adorável. Além disso, minha esposa é obcecada por jantares assados ​​- ela me obriga a fazer molho extra.

Judith Se você pudesse reviver qualquer uma de suas memórias, quais seriam?

JO Hum. Uau. Provavelmente quando conheci minha esposa, Jools. Foi muito emocionante, e eu nunca tive uma namorada adequada - bem, não tinha me apaixonado antes - e essa é uma época muito emocionante. É embaraçoso falar sobre isso, mas quando você se conecta com alguém e sente que tem algo especial, é sempre uma pequena lembrança dourada. E então, com sorte, você acaba se casando e o amor se transforma em outra coisa. Quando conheci minha esposa, ela tinha cabelo igual ao seu, na verdade, e costumava usar cordas de cano de esgoto e botas DM. Acho que ela era gótica ou algo assim. A primeira coisa que ela fez foi olhar para mim e cair. Então, obviamente, era para ser. Você tem namorado?

JO Continue assim!

Judith Qual foi o seu maior desafio?

JO Oh Deus. Bem, além de tentar ser um bom pai e um bom marido, no qual você tem que trabalhar duro, acho que provavelmente o projeto que acabei de fazer, o Ministério da Alimentação. Eu realmente não gosto de ir a lugares onde você vai sofrer, mas fiz disso um hábito. [Risos] Mas às vezes você tem que fazer o que tem que fazer. E vale a pena no final. Jantares escolares era o mesmo. Sofri muitos abusos durante dois anos, mas foi importante.

Judith Você manteve contato com a Nora e as escolas envolvidas nos Jantares Escolares do Jamie?

JO Sim, eu a vi há cerca de três semanas. Embora tenhamos tido um começo difícil porque viemos de mundos diferentes, eu iria mais longe e diria que agora nos amamos. Eu a conhecerei pelo resto da minha vida. Ela é uma trabalhadora incrivelmente árdua que envergonharia a maioria dos chefs. Eu a apresentei ao Príncipe Charles uma vez e foi hilário, porque ela era exatamente a mesma. Ela o teria irritado se ele tivesse dito algo fora do lugar.

Judith Houve algum momento em sua carreira em que você quis desistir?

JO O tempo todo, com certeza. Eu chamo isso de paranóia criativa, questionar-se diariamente, de hora em hora. Como este programa que tenho no momento, provavelmente pensei em desistir dele seis ou sete vezes, mas então algo mágico aconteceria com alguém.

Judith Você tem alguma dica para crianças que querem cozinhar?

JO Sim, tente convencer mamãe e papai a deixar você fazer isso. Faça uma bagunça uma vez por semana. Sabe, fique preso. Se você realmente gosta de comida, não há nada como conseguir um emprego em um restaurante ou pub local. O que aprendi no pub do meu pai quando estava trabalhando para ganhar minha mesada, ainda uso hoje.


& # x27Você gosta de feijão cozido? & # x27

Judith No sábado, cozinhei macarrão com ervilha e bacon.

Judith E ontem eu fiz uma torta de peixe.

JO Oh, muito bem.

Judith E eles foram muito legais.

JO Você recebeu o polegar da família?

Judith Bem, eles acharam que a torta de peixe estava um pouco seca, mas só percebemos que você deveria adicionar o crème fraîche depois.

JO Você sempre cozinhou?

Judith Acho que comecei porque, quando era pequena, minhas irmãs iam para a escola e eu e minha mãe preparávamos bolos de fada. Devo começar com minhas perguntas?

JO Sim, por favor, querida.

Judith Qual seria o seu trabalho se você não fosse um chef?

JO Provavelmente seria carpinteiro. Porque não sou muito bom sentado em uma mesa ou acadêmico. Sou melhor com as mãos e sempre adorei a ideia ligeiramente romântica de começar com pedaços de madeira e poder criar algo para sentar, comer e guardar suas roupas.

Judith OK. Qual é a sua comida caseira favorita?

JO Provavelmente uma tigela de massa apimentada com uma salada picante. Eu amo macarrão.

Judith Quando você era estudante, você cozinhava feijão na torrada e em outras comidas dos alunos?

JO Sim. Eu cozinhei quase tudo, na verdade. Eu sabia cozinhar desde muito jovem - simplesmente porque gostava. Nada fofo, parecia omelete, ovo mexido, passou a pizzas ...

Judith Quais três receitas você não poderia viver sem?

JO Oof. Frango assado da minha mãe no domingo. Definitivamente macarrão. Um ... um bife realmente bom.

Judith Qual pessoa famosa você mais gostou de conhecer?

JO Ooh, boa pergunta ... Acho que Brad Pitt.

Judith Quando você o conheceu?

JO Em seu 40º aniversário. Eu era seu presente e eles me trouxeram da Inglaterra. Eu fui a surpresa e preparei um lindo jantar para ele, e ele tinha cerca de 12 amigos ao redor da mesa e eram todos pessoas que você reconheceria. Ele é um cara muito legal, muito divertido, generoso, e eu o vejo desde então.

Judith Qual foi o maior erro que você cometeu na televisão?

JO Provavelmente quando estava trabalhando no Japão. Eu estava fazendo um prato de massa e tinha acabado de comprar uma faca parecida com um samurai japonês de £ 350, feita de aço carbono, e acabei cortando metade do meu dedo, ao vivo na televisão. Tive de fingir que nada aconteceu e enrolar a toalha no dedo para que não vissem o sangue escorrendo. Continuei cozinhando como um puro profissional, mas não disse a eles que havia um pouco do meu dedo nisso. E então eles comeram! No Japão, eles fazem anúncios ao vivo no mesmo estúdio. Então, quando eles cortaram para anúncios, eu disse, "AAAAAAAAGH!" e o anúncio estava a cerca de cinco metros de mim, ao vivo. Esta pobre mulher estava tentando vender alguma versão do Daz Automatic, e por cerca de quatro segundos lá estava eu ​​gritando.

Judith Em casa, qual é a sua refeição favorita para cozinhar?

JO Eu adoro assar porque você pode dar amor, colocar no forno e ir brincar com as crianças ou o que quer que você tenha que fazer, e então, horas depois, você tem um jantar adorável. Além disso, minha esposa é obcecada por jantares assados ​​- ela me obriga a fazer molho extra.

Judith Se você pudesse reviver qualquer uma de suas memórias, quais seriam?

JO Hum. Uau. Provavelmente quando conheci minha esposa, Jools. Foi muito emocionante, e eu nunca tive uma namorada adequada - bem, não tinha me apaixonado antes - e essa é uma época muito emocionante. É embaraçoso falar sobre isso, mas quando você se conecta com alguém e sente que tem algo especial, é sempre uma pequena lembrança dourada. E então, com sorte, você acaba se casando e o amor se transforma em outra coisa. Quando conheci minha esposa, ela tinha cabelo igual ao seu, na verdade, e costumava usar cordões de cano de esgoto e botas DM. Acho que ela era gótica ou algo assim. A primeira coisa que ela fez foi olhar para mim e cair. Então, obviamente, era para ser assim. Você tem namorado?

JO Continue assim!

Judith Qual foi o seu maior desafio?

JO Oh Deus. Bem, além de tentar ser um bom pai e um bom marido, no qual você tem que trabalhar duro, acho que provavelmente o projeto que acabei de fazer, o Ministério da Alimentação. Eu realmente não gosto de ir a lugares onde você vai sofrer, mas fiz disso um hábito. [Risos] Mas às vezes você tem que fazer o que tem que fazer. E vale a pena no final. Jantares escolares era o mesmo. Sofri muitos abusos durante dois anos, mas foi importante.

Judith Você manteve contato com a Nora e as escolas envolvidas nos jantares escolares do Jamie?

JO Sim, eu a vi cerca de três semanas atrás. Embora tenhamos tido um começo difícil porque viemos de mundos diferentes, eu iria mais longe e diria que agora nos amamos. Eu a conhecerei pelo resto da minha vida. Ela é uma trabalhadora incrivelmente árdua que envergonharia a maioria dos chefs. Eu a apresentei ao Príncipe Charles uma vez e foi hilário, porque ela era exatamente a mesma. Ela o teria irritado se ele tivesse dito algo fora do lugar.

Judith Houve algum momento em sua carreira em que você quis desistir?

JO O tempo todo, com certeza. Eu chamo isso de paranóia criativa, questionar-se diariamente, de hora em hora. Como este programa que tenho no momento, provavelmente pensei em desistir dele seis ou sete vezes, mas então algo mágico aconteceria com alguém.

Judith Você tem alguma dica para crianças que querem cozinhar?

JO Sim, tente convencer mamãe e papai a deixar você fazer isso. Faça uma bagunça uma vez por semana. Sabe, fique preso. Se você realmente gosta de comida, não há nada como conseguir um emprego em um restaurante ou pub local. O que aprendi no pub do meu pai quando estava trabalhando para ganhar minha mesada, ainda uso hoje.


& # x27Você gosta de feijão cozido? & # x27

Judith No sábado, cozinhei macarrão com ervilha e bacon.

Judith E ontem eu fiz uma torta de peixe.

JO Oh, muito bem.

Judith E eles foram muito legais.

JO Você recebeu o polegar da família?

Judith Bem, eles acharam que a torta de peixe estava um pouco seca, mas só percebemos que você deveria adicionar o crème fraîche depois.

JO Você sempre cozinhou?

Judith Acho que comecei porque, quando era pequena, minhas irmãs iam para a escola e eu e minha mãe preparávamos bolos de fada. Devo começar com minhas perguntas?

JO Sim, por favor, querida.

Judith Qual seria o seu trabalho se você não fosse um chef?

JO Provavelmente seria carpinteiro. Porque não sou muito bom sentado em uma mesa ou acadêmico. Sou melhor com as mãos e sempre adorei a ideia ligeiramente romântica de começar com pedaços de madeira e ser capaz de criar algo para sentar, comer e guardar suas roupas.

Judith OK. Qual é a sua comida caseira favorita?

JO Provavelmente uma tigela de massa apimentada com uma salada picante. Eu amo macarrão.

Judith Quando você era estudante, você cozinhava feijão na torrada e em outras comidas dos alunos?

JO Sim. Eu cozinhei quase tudo, na verdade. Eu sabia cozinhar desde muito jovem - simplesmente porque gostava. Nada fofo, parecia omelete, ovo mexido, passou a pizzas ...

Judith Quais três receitas você não poderia viver sem?

JO Oof. Frango assado da minha mãe no domingo. Definitivamente macarrão. Um ... um bife realmente bom.

Judith Qual pessoa famosa você mais gostou de conhecer?

JO Ooh, boa pergunta ... Acho que Brad Pitt.

Judith Quando você o conheceu?

JO Em seu 40º aniversário. Eu era seu presente e eles me trouxeram da Inglaterra. Eu fui a surpresa e preparei um lindo jantar para ele, e ele tinha cerca de 12 amigos ao redor da mesa e eram todos pessoas que você reconheceria. Ele é um cara muito legal, muito divertido, generoso, e eu o vejo desde então.

Judith Qual foi o maior erro que você cometeu na televisão?

JO Provavelmente quando estava trabalhando no Japão. Eu estava fazendo um prato de massa e tinha acabado de comprar uma faca parecida com um samurai japonês de £ 350, feita de aço carbono, e acabei cortando metade do meu dedo, ao vivo na televisão. Tive de fingir que nada aconteceu e enrolar a toalha no dedo para que não vissem o sangue escorrendo. Continuei cozinhando como um puro profissional, mas não disse a eles que havia um pouco do meu dedo nisso. E então eles comeram! No Japão, eles fazem anúncios ao vivo no mesmo estúdio. Então, quando eles cortaram para anúncios, eu disse, "AAAAAAAAGH!" e o anúncio estava a cerca de cinco metros de mim, ao vivo. Esta pobre mulher estava tentando vender alguma versão do Daz Automatic, e por cerca de quatro segundos lá estava eu ​​gritando.

Judith Em casa, qual é a sua refeição favorita para cozinhar?

JO Eu amo assar porque você pode dar amor, colocar no forno e ir brincar com as crianças ou o que quer que você tenha que fazer, e então, horas depois, você tem um jantar adorável. Além disso, minha esposa é obcecada por jantares assados ​​- ela me obriga a fazer molho extra.

Judith Se você pudesse reviver qualquer uma de suas memórias, quais seriam?

JO Hum. Uau. Provavelmente quando conheci minha esposa, Jools. Foi muito emocionante, e eu nunca tive uma namorada adequada - bem, não tinha me apaixonado antes - e essa é uma época muito emocionante. É embaraçoso falar sobre isso, mas quando você se conecta com alguém e sente que tem algo especial, é sempre uma pequena lembrança dourada. E então, com sorte, você acaba se casando e o amor se transforma em outra coisa. Quando conheci minha esposa, ela tinha cabelo igual ao seu, na verdade, e costumava usar cordões de cano de esgoto e botas DM. Acho que ela era gótica ou algo assim. A primeira coisa que ela fez foi olhar para mim e cair. Então, obviamente, era para ser assim. Você tem namorado?

JO Continue assim!

Judith Qual foi o seu maior desafio?

JO Oh Deus. Bem, além de tentar ser um bom pai e um bom marido, no qual você tem que trabalhar duro, acho que provavelmente o projeto que acabei de fazer, o Ministério da Alimentação. Eu realmente não gosto de ir a lugares onde você vai sofrer, mas fiz disso um hábito. [Risos] Mas às vezes você tem que fazer o que tem que fazer. E vale a pena no final. Jantares escolares era o mesmo. Sofri muitos abusos durante dois anos, mas foi importante.

Judith Você manteve contato com a Nora e as escolas envolvidas nos jantares escolares do Jamie?

JO Sim, eu a vi há cerca de três semanas. Embora tenhamos tido um começo difícil porque viemos de mundos diferentes, eu iria mais longe e diria que agora nos amamos. Eu a conhecerei pelo resto da minha vida. Ela é uma trabalhadora incrivelmente árdua que envergonharia a maioria dos chefs. Eu a apresentei ao Príncipe Charles uma vez e foi hilário, porque ela era exatamente a mesma. Ela o teria irritado se ele tivesse dito algo fora do lugar.

Judith Houve algum momento em sua carreira em que você quis desistir?

JO O tempo todo, com certeza. Eu chamo isso de paranóia criativa, questionar-se diariamente, de hora em hora. Como este programa que tenho no momento, provavelmente pensei em desistir dele seis ou sete vezes, mas então algo mágico aconteceria com alguém.

Judith Você tem alguma dica para crianças que querem cozinhar?

JO Sim, tente convencer mamãe e papai a deixar você fazer isso. Faça uma bagunça uma vez por semana. Sabe, fique preso. Se você realmente gosta de comida, não há nada como conseguir um emprego em um restaurante ou pub local. O que aprendi no pub do meu pai quando estava trabalhando para ganhar minha mesada, ainda uso hoje.


& # x27Você gosta de feijão cozido? & # x27

Judith No sábado, cozinhei macarrão com ervilha e bacon.

Judith E ontem eu fiz uma torta de peixe.

JO Oh, muito bem.

Judith E eles foram muito legais.

JO Você recebeu o polegar da família?

Judith Bem, eles acharam que a torta de peixe estava um pouco seca, mas só percebemos que você deveria adicionar o crème fraîche depois.

JO Você sempre cozinhou?

Judith Acho que comecei porque, quando era pequena, minhas irmãs iam para a escola e eu e minha mãe preparávamos bolos de fada. Devo começar com minhas perguntas?

JO Sim, por favor, querida.

Judith Qual seria o seu trabalho se você não fosse um chef?

JO Provavelmente seria carpinteiro. Porque não sou muito bom sentado em uma mesa ou acadêmico. Sou melhor com as mãos e sempre adorei a ideia ligeiramente romântica de começar com pedaços de madeira e ser capaz de criar algo para sentar, comer e guardar suas roupas.

Judith OK. Qual é a sua comida caseira favorita?

JO Provavelmente uma tigela de massa apimentada com uma salada picante. Eu amo macarrão.

Judith Quando você era estudante, você cozinhava feijão na torrada e em outras comidas dos alunos?

JO Sim. Eu cozinhei quase tudo, na verdade. Eu sabia cozinhar desde muito jovem - simplesmente porque gostava. Nada fofo, parecia omelete, ovo mexido, passou a pizzas ...

Judith Quais três receitas você não poderia viver sem?

JO Oof. Frango assado da minha mãe no domingo. Definitivamente macarrão. Um ... um bife realmente bom.

Judith Qual pessoa famosa você mais gostou de conhecer?

JO Ooh, boa pergunta ... Acho que Brad Pitt.

Judith Quando você o conheceu?

JO Em seu 40º aniversário. Eu era seu presente e eles me trouxeram da Inglaterra. Eu fui a surpresa e preparei um lindo jantar para ele, e ele tinha cerca de 12 amigos ao redor da mesa e eram todos pessoas que você reconheceria. Ele é um cara muito legal, muito divertido, generoso, e eu o vejo desde então.

Judith Qual foi o maior erro que você cometeu na televisão?

JO Provavelmente quando estava trabalhando no Japão. Eu estava fazendo um prato de massa e tinha acabado de comprar uma faca parecida com um samurai japonês de £ 350, feita de aço carbono, e acabei cortando metade do meu dedo, ao vivo na televisão. Tive de fingir que nada aconteceu e enrolar a toalha no dedo para que não vissem o sangue escorrendo. Continuei cozinhando como um puro profissional, mas não disse a eles que havia um pouco do meu dedo nisso. E então eles comeram! No Japão, eles fazem anúncios ao vivo no mesmo estúdio. Então, quando eles cortaram para anúncios, eu disse, "AAAAAAAAGH!" e o anúncio estava a cerca de cinco metros de mim, ao vivo. Esta pobre mulher estava tentando vender alguma versão do Daz Automatic, e por cerca de quatro segundos lá estava eu ​​gritando.

Judith Em casa, qual é a sua refeição favorita para cozinhar?

JO Eu amo assar porque você pode dar amor, colocar no forno e ir brincar com as crianças ou o que quer que você tenha que fazer, e então, horas depois, você tem um jantar adorável. Além disso, minha esposa é obcecada por jantares assados ​​- ela me obriga a fazer molho extra.

Judith Se você pudesse reviver qualquer uma de suas memórias, quais seriam?

JO Hum. Uau. Provavelmente quando conheci minha esposa, Jools. Foi muito emocionante, e eu nunca tive uma namorada adequada - bem, não tinha me apaixonado antes - e essa é uma época muito emocionante. É embaraçoso falar sobre isso, mas quando você se conecta com alguém e sente que tem algo especial, é sempre uma pequena lembrança dourada. E então, com sorte, você acaba se casando e o amor se transforma em outra coisa. Quando conheci minha esposa, ela tinha cabelo igual ao seu, na verdade, e costumava usar cordas de cano de esgoto e botas DM. Acho que ela era gótica ou algo assim. A primeira coisa que ela fez foi olhar para mim e cair. Então, obviamente, era para ser assim. Você tem namorado?

JO Continue assim!

Judith Qual foi o seu maior desafio?

JO Oh Deus. Bem, além de tentar ser um bom pai e um bom marido, no qual você tem que trabalhar duro, acho que provavelmente o projeto que acabei de fazer, o Ministério da Alimentação. Eu realmente não gosto de ir a lugares onde você vai sofrer, mas fiz disso um hábito. [Risos] Mas às vezes você tem que fazer o que tem que fazer. E vale a pena no final. Jantares escolares era o mesmo. Sofri muitos abusos durante dois anos, mas foi importante.

Judith Você manteve contato com a Nora e as escolas envolvidas nos jantares escolares do Jamie?

JO Sim, eu a vi há cerca de três semanas. Embora tenhamos tido um começo difícil porque viemos de mundos diferentes, eu iria mais longe e diria que agora nos amamos. Eu a conhecerei pelo resto da minha vida. Ela é uma trabalhadora incrivelmente árdua que envergonharia a maioria dos chefs. Eu a apresentei ao Príncipe Charles uma vez e foi hilário, porque ela era exatamente a mesma. Ela o teria irritado se ele tivesse dito algo fora do lugar.

Judith Houve algum momento em sua carreira em que você quis desistir?

JO O tempo todo, com certeza. Eu chamo isso de paranóia criativa, questionar-se diariamente, de hora em hora. Como este programa que tenho no momento, provavelmente pensei em desistir dele seis ou sete vezes, mas então algo mágico aconteceria com alguém.

Judith Você tem alguma dica para crianças que querem cozinhar?

JO Sim, tente convencer mamãe e papai a deixar você fazer isso. Faça uma bagunça uma vez por semana. Sabe, fique preso. Se você realmente gosta de comida, não há nada como conseguir um emprego em um restaurante ou pub local. O que aprendi no pub do meu pai quando estava trabalhando para ganhar minha mesada, ainda uso hoje.


& # x27Você gosta de feijão cozido? & # x27

Judith No sábado, cozinhei macarrão com ervilha e bacon.

Judith E ontem eu fiz uma torta de peixe.

JO Oh, muito bem.

Judith E eles foram muito legais.

JO Você recebeu o polegar da família?

Judith Bem, eles acharam que a torta de peixe estava um pouco seca, mas só percebemos que você deveria adicionar o crème fraîche depois.

JO Você sempre cozinhou?

Judith Acho que comecei porque, quando era pequena, minhas irmãs iam para a escola e eu e minha mãe preparávamos bolos de fada. Devo começar com minhas perguntas?

JO Sim, por favor, querida.

Judith Qual seria o seu trabalho se você não fosse um chef?

JO Provavelmente seria carpinteiro. Porque não sou muito bom sentado em uma mesa ou acadêmico. Sou melhor com as mãos e sempre adorei a ideia ligeiramente romântica de começar com pedaços de madeira e ser capaz de criar algo para sentar, comer e guardar suas roupas.

Judith OK. Qual é a sua comida caseira favorita?

JO Provavelmente uma tigela de massa apimentada com uma salada picante. Eu amo macarrão.

Judith Quando você era estudante, você cozinhava feijão na torrada e em outras comidas dos alunos?

JO Sim. Eu cozinhei quase tudo, na verdade. Eu sabia cozinhar desde muito jovem - simplesmente porque gostava. Nada fofo, parecia omelete, ovo mexido, passou a pizzas ...

Judith Quais três receitas você não poderia viver sem?

JO Oof. Frango assado da minha mãe no domingo. Definitivamente macarrão. Um ... um bife realmente bom.

Judith Qual pessoa famosa você mais gostou de conhecer?

JO Ooh, boa pergunta ... Acho que Brad Pitt.

Judith Quando você o conheceu?

JO Em seu 40º aniversário. Eu era seu presente e eles me trouxeram da Inglaterra. Eu fui a surpresa e preparei um lindo jantar para ele, e ele tinha cerca de 12 amigos ao redor da mesa e eram todos pessoas que você reconheceria. Ele é um cara muito legal, muito divertido, generoso, e eu o vejo desde então.

Judith Qual foi o maior erro que você cometeu na televisão?

JO Provavelmente quando estava trabalhando no Japão. Eu estava fazendo um prato de massa e tinha acabado de comprar uma faca parecida com um samurai japonês de £ 350, feita de aço carbono, e acabei cortando metade do meu dedo, ao vivo na televisão. Tive de fingir que nada aconteceu e enrolar a toalha no dedo para que não vissem o sangue escorrendo. Continuei cozinhando como um puro profissional, mas não disse a eles que havia um pouco do meu dedo nisso. E então eles comeram! No Japão, eles fazem anúncios ao vivo no mesmo estúdio. So when they cut to adverts, I went, "AAAAAAAAGH!" and the advert was about five metres away from me, live. This poor woman was trying to sell some version of Daz Automatic, and for about four seconds there was me screaming.

Judith At home, what is your favourite meal to cook?

JO I love roasting because you can give it love, get it in the oven and go and play with the kids or whatever you've got to do, and then hours later you've got a lovely dinner. Also, my wife is obsessed by roast dinners – she makes me do extra gravy.

Judith If you could relive any of your memories, what would it be?

JO Um. Wow. Probably when I met my wife, Jools. It was very exciting, and I hadn't ever had a proper girlfriend – well, hadn't fallen in love before – and that's a very exciting time. It's embarrassing stuff to talk about, but when you connect with someone and you feel you've got something special, it's always a little gold memory. And then, hopefully, you end up getting married, and love grows into something else. When I first met my wife, she had hair just like yours, actually, and she used to wear drainpipe cords and DM boots. I think she was a goth or something. The first thing she did was look at me and fall over. So it was obviously meant to be. Have you got a boyfriend?

JO Keep it that way!

Judith What has been your biggest challenge?

JO Oh God. Well, apart from trying to be a good dad and a good husband, which you have to work hard at, I think probably the project I've just done, the Ministry of Food. I don't really like going to places where you're going to get grief, but I've made quite a habit of it. [Laughs] But sometimes you gotta do what you gotta do. And it's worth it in the end. School Dinners was the Same. I got a lot of abuse for two years, but it was important.

Judith Did you stay in contact with Nora and the schools involved in Jamie's School Dinners?

JO Yes, I saw her about three weeks ago. Although we had a bumpy start because we came from different worlds, I would go as far as saying we quite love each other now. I'll know her for the rest of my life. She's an incredibly hard worker who would put most chefs to shame. I introduced her to Prince Charles once and it was just hilarious, cos she was exactly the same. She would have ticked him off if he'd said anything out of place.

Judith Have there been any times in your career when you've wanted to give up?

JO All the time, absolutely. I call it creative paranoia, questioning yourself on a daily, hourly basis. Like this programme that I've got at the moment, I've probably thought about giving it up six or seven times, but then something magical would happen with someone.

Judith Do you have any tips for children that want to cook?

JO Yeah, just try and convince Mum and Dad to let you do it. Make a bit of a mess once a week. You know, get stuck in. If you really like food, there's nothing like getting a job in a local restaurant or pub. What I learned in my dad's pub when I was working for my pocket money, I still use today.


ɽo you like baked beans?'

Judith On Saturday I cooked pasta with peas and bacon.

Judith And then yesterday I cooked fish pie.

JO Oh, well done.

Judith And they were really nice.

JO Did you get thumbs up from the family?

Judith Well, they thought the fish pie was a bit dry, but we only realised you were meant to add the crème fraîche after.

JO Have you always cooked?

Judith I think I started because, when I was small, my sisters would go to school and me and my mum would bake fairy cakes. Shall I start off with my questions?

JO Yes, please do, darling.

Judith What would your job be if you weren't a chef?

JO I would probably be a carpenter. Because I'm not very good sitting at a desk or being an academic. I'm better with my hands, and I always loved the slightly romantic idea of starting with bits of wood and being able to create something to sit on, to eat from, to store your clothes in.

Judith OK. What is your favourite comfort food?

JO Probably a bowl of spicy pasta with a zingy salad. I do love a pasta.

Judith When you were a student, did you cook beans on toast and other studenty food?

JO Yeah. I've cooked just about everything really. I could cook from quite an early age – purely because I liked it. Nothing flashy, it was like omelettes, scrambled eggs, went on to pizzas…

Judith Which three recipes could you not live without?

JO Oof. My mum's roast chicken on a Sunday. Definitely pasta. Um … a really good steak.

Judith Which famous person have you most enjoyed meeting?

JO Ooh, good question… I guess Brad Pitt.

Judith When did you meet him?

JO On his 40th birthday. I was his present and they flew me over from England. I was the surprise, and I cooked him a beautiful dinner, and he had about 12 friends around the table and they were all people that you'd recognise. He's a really nice guy, really fun, generous, and I've seen him ever since.

Judith What is the biggest mistake you have made on television?

JO Probably when I was working in Japan. I was making a pasta dish and I'd just bought a £350 Japanese Samurai-like knife that was made from the finest carbon steel, and I end up lopping off half my finger, live on telly. I had to pretend it never happened, and wrap my towel around my finger so they didn't see the blood rushing out. I carried on cooking like a pure professional, but I didn't tell them there was a bit of my finger in it. And then they ate it! In Japan, they do adverts live in the same studio. So when they cut to adverts, I went, "AAAAAAAAGH!" and the advert was about five metres away from me, live. This poor woman was trying to sell some version of Daz Automatic, and for about four seconds there was me screaming.

Judith At home, what is your favourite meal to cook?

JO I love roasting because you can give it love, get it in the oven and go and play with the kids or whatever you've got to do, and then hours later you've got a lovely dinner. Also, my wife is obsessed by roast dinners – she makes me do extra gravy.

Judith If you could relive any of your memories, what would it be?

JO Um. Wow. Probably when I met my wife, Jools. It was very exciting, and I hadn't ever had a proper girlfriend – well, hadn't fallen in love before – and that's a very exciting time. It's embarrassing stuff to talk about, but when you connect with someone and you feel you've got something special, it's always a little gold memory. And then, hopefully, you end up getting married, and love grows into something else. When I first met my wife, she had hair just like yours, actually, and she used to wear drainpipe cords and DM boots. I think she was a goth or something. The first thing she did was look at me and fall over. So it was obviously meant to be. Have you got a boyfriend?

JO Keep it that way!

Judith What has been your biggest challenge?

JO Oh God. Well, apart from trying to be a good dad and a good husband, which you have to work hard at, I think probably the project I've just done, the Ministry of Food. I don't really like going to places where you're going to get grief, but I've made quite a habit of it. [Laughs] But sometimes you gotta do what you gotta do. And it's worth it in the end. School Dinners was the Same. I got a lot of abuse for two years, but it was important.

Judith Did you stay in contact with Nora and the schools involved in Jamie's School Dinners?

JO Yes, I saw her about three weeks ago. Although we had a bumpy start because we came from different worlds, I would go as far as saying we quite love each other now. I'll know her for the rest of my life. She's an incredibly hard worker who would put most chefs to shame. I introduced her to Prince Charles once and it was just hilarious, cos she was exactly the same. She would have ticked him off if he'd said anything out of place.

Judith Have there been any times in your career when you've wanted to give up?

JO All the time, absolutely. I call it creative paranoia, questioning yourself on a daily, hourly basis. Like this programme that I've got at the moment, I've probably thought about giving it up six or seven times, but then something magical would happen with someone.

Judith Do you have any tips for children that want to cook?

JO Yeah, just try and convince Mum and Dad to let you do it. Make a bit of a mess once a week. You know, get stuck in. If you really like food, there's nothing like getting a job in a local restaurant or pub. What I learned in my dad's pub when I was working for my pocket money, I still use today.


ɽo you like baked beans?'

Judith On Saturday I cooked pasta with peas and bacon.

Judith And then yesterday I cooked fish pie.

JO Oh, well done.

Judith And they were really nice.

JO Did you get thumbs up from the family?

Judith Well, they thought the fish pie was a bit dry, but we only realised you were meant to add the crème fraîche after.

JO Have you always cooked?

Judith I think I started because, when I was small, my sisters would go to school and me and my mum would bake fairy cakes. Shall I start off with my questions?

JO Yes, please do, darling.

Judith What would your job be if you weren't a chef?

JO I would probably be a carpenter. Because I'm not very good sitting at a desk or being an academic. I'm better with my hands, and I always loved the slightly romantic idea of starting with bits of wood and being able to create something to sit on, to eat from, to store your clothes in.

Judith OK. What is your favourite comfort food?

JO Probably a bowl of spicy pasta with a zingy salad. I do love a pasta.

Judith When you were a student, did you cook beans on toast and other studenty food?

JO Yeah. I've cooked just about everything really. I could cook from quite an early age – purely because I liked it. Nothing flashy, it was like omelettes, scrambled eggs, went on to pizzas…

Judith Which three recipes could you not live without?

JO Oof. My mum's roast chicken on a Sunday. Definitely pasta. Um … a really good steak.

Judith Which famous person have you most enjoyed meeting?

JO Ooh, good question… I guess Brad Pitt.

Judith When did you meet him?

JO On his 40th birthday. I was his present and they flew me over from England. I was the surprise, and I cooked him a beautiful dinner, and he had about 12 friends around the table and they were all people that you'd recognise. He's a really nice guy, really fun, generous, and I've seen him ever since.

Judith What is the biggest mistake you have made on television?

JO Probably when I was working in Japan. I was making a pasta dish and I'd just bought a £350 Japanese Samurai-like knife that was made from the finest carbon steel, and I end up lopping off half my finger, live on telly. I had to pretend it never happened, and wrap my towel around my finger so they didn't see the blood rushing out. I carried on cooking like a pure professional, but I didn't tell them there was a bit of my finger in it. And then they ate it! In Japan, they do adverts live in the same studio. So when they cut to adverts, I went, "AAAAAAAAGH!" and the advert was about five metres away from me, live. This poor woman was trying to sell some version of Daz Automatic, and for about four seconds there was me screaming.

Judith At home, what is your favourite meal to cook?

JO I love roasting because you can give it love, get it in the oven and go and play with the kids or whatever you've got to do, and then hours later you've got a lovely dinner. Also, my wife is obsessed by roast dinners – she makes me do extra gravy.

Judith If you could relive any of your memories, what would it be?

JO Um. Wow. Probably when I met my wife, Jools. It was very exciting, and I hadn't ever had a proper girlfriend – well, hadn't fallen in love before – and that's a very exciting time. It's embarrassing stuff to talk about, but when you connect with someone and you feel you've got something special, it's always a little gold memory. And then, hopefully, you end up getting married, and love grows into something else. When I first met my wife, she had hair just like yours, actually, and she used to wear drainpipe cords and DM boots. I think she was a goth or something. The first thing she did was look at me and fall over. So it was obviously meant to be. Have you got a boyfriend?

JO Keep it that way!

Judith What has been your biggest challenge?

JO Oh God. Well, apart from trying to be a good dad and a good husband, which you have to work hard at, I think probably the project I've just done, the Ministry of Food. I don't really like going to places where you're going to get grief, but I've made quite a habit of it. [Laughs] But sometimes you gotta do what you gotta do. And it's worth it in the end. School Dinners was the Same. I got a lot of abuse for two years, but it was important.

Judith Did you stay in contact with Nora and the schools involved in Jamie's School Dinners?

JO Yes, I saw her about three weeks ago. Although we had a bumpy start because we came from different worlds, I would go as far as saying we quite love each other now. I'll know her for the rest of my life. She's an incredibly hard worker who would put most chefs to shame. I introduced her to Prince Charles once and it was just hilarious, cos she was exactly the same. She would have ticked him off if he'd said anything out of place.

Judith Have there been any times in your career when you've wanted to give up?

JO All the time, absolutely. I call it creative paranoia, questioning yourself on a daily, hourly basis. Like this programme that I've got at the moment, I've probably thought about giving it up six or seven times, but then something magical would happen with someone.

Judith Do you have any tips for children that want to cook?

JO Yeah, just try and convince Mum and Dad to let you do it. Make a bit of a mess once a week. You know, get stuck in. If you really like food, there's nothing like getting a job in a local restaurant or pub. What I learned in my dad's pub when I was working for my pocket money, I still use today.


ɽo you like baked beans?'

Judith On Saturday I cooked pasta with peas and bacon.

Judith And then yesterday I cooked fish pie.

JO Oh, well done.

Judith And they were really nice.

JO Did you get thumbs up from the family?

Judith Well, they thought the fish pie was a bit dry, but we only realised you were meant to add the crème fraîche after.

JO Have you always cooked?

Judith I think I started because, when I was small, my sisters would go to school and me and my mum would bake fairy cakes. Shall I start off with my questions?

JO Yes, please do, darling.

Judith What would your job be if you weren't a chef?

JO I would probably be a carpenter. Because I'm not very good sitting at a desk or being an academic. I'm better with my hands, and I always loved the slightly romantic idea of starting with bits of wood and being able to create something to sit on, to eat from, to store your clothes in.

Judith OK. What is your favourite comfort food?

JO Probably a bowl of spicy pasta with a zingy salad. I do love a pasta.

Judith When you were a student, did you cook beans on toast and other studenty food?

JO Yeah. I've cooked just about everything really. I could cook from quite an early age – purely because I liked it. Nothing flashy, it was like omelettes, scrambled eggs, went on to pizzas…

Judith Which three recipes could you not live without?

JO Oof. My mum's roast chicken on a Sunday. Definitely pasta. Um … a really good steak.

Judith Which famous person have you most enjoyed meeting?

JO Ooh, good question… I guess Brad Pitt.

Judith When did you meet him?

JO On his 40th birthday. I was his present and they flew me over from England. I was the surprise, and I cooked him a beautiful dinner, and he had about 12 friends around the table and they were all people that you'd recognise. He's a really nice guy, really fun, generous, and I've seen him ever since.

Judith What is the biggest mistake you have made on television?

JO Probably when I was working in Japan. I was making a pasta dish and I'd just bought a £350 Japanese Samurai-like knife that was made from the finest carbon steel, and I end up lopping off half my finger, live on telly. I had to pretend it never happened, and wrap my towel around my finger so they didn't see the blood rushing out. I carried on cooking like a pure professional, but I didn't tell them there was a bit of my finger in it. And then they ate it! In Japan, they do adverts live in the same studio. So when they cut to adverts, I went, "AAAAAAAAGH!" and the advert was about five metres away from me, live. This poor woman was trying to sell some version of Daz Automatic, and for about four seconds there was me screaming.

Judith At home, what is your favourite meal to cook?

JO I love roasting because you can give it love, get it in the oven and go and play with the kids or whatever you've got to do, and then hours later you've got a lovely dinner. Also, my wife is obsessed by roast dinners – she makes me do extra gravy.

Judith If you could relive any of your memories, what would it be?

JO Um. Wow. Probably when I met my wife, Jools. It was very exciting, and I hadn't ever had a proper girlfriend – well, hadn't fallen in love before – and that's a very exciting time. It's embarrassing stuff to talk about, but when you connect with someone and you feel you've got something special, it's always a little gold memory. And then, hopefully, you end up getting married, and love grows into something else. When I first met my wife, she had hair just like yours, actually, and she used to wear drainpipe cords and DM boots. I think she was a goth or something. The first thing she did was look at me and fall over. So it was obviously meant to be. Have you got a boyfriend?

JO Keep it that way!

Judith What has been your biggest challenge?

JO Oh God. Well, apart from trying to be a good dad and a good husband, which you have to work hard at, I think probably the project I've just done, the Ministry of Food. I don't really like going to places where you're going to get grief, but I've made quite a habit of it. [Laughs] But sometimes you gotta do what you gotta do. And it's worth it in the end. School Dinners was the Same. I got a lot of abuse for two years, but it was important.

Judith Did you stay in contact with Nora and the schools involved in Jamie's School Dinners?

JO Yes, I saw her about three weeks ago. Although we had a bumpy start because we came from different worlds, I would go as far as saying we quite love each other now. I'll know her for the rest of my life. She's an incredibly hard worker who would put most chefs to shame. I introduced her to Prince Charles once and it was just hilarious, cos she was exactly the same. She would have ticked him off if he'd said anything out of place.

Judith Have there been any times in your career when you've wanted to give up?

JO All the time, absolutely. I call it creative paranoia, questioning yourself on a daily, hourly basis. Like this programme that I've got at the moment, I've probably thought about giving it up six or seven times, but then something magical would happen with someone.

Judith Do you have any tips for children that want to cook?

JO Yeah, just try and convince Mum and Dad to let you do it. Make a bit of a mess once a week. You know, get stuck in. If you really like food, there's nothing like getting a job in a local restaurant or pub. What I learned in my dad's pub when I was working for my pocket money, I still use today.


ɽo you like baked beans?'

Judith On Saturday I cooked pasta with peas and bacon.

Judith And then yesterday I cooked fish pie.

JO Oh, well done.

Judith And they were really nice.

JO Did you get thumbs up from the family?

Judith Well, they thought the fish pie was a bit dry, but we only realised you were meant to add the crème fraîche after.

JO Have you always cooked?

Judith I think I started because, when I was small, my sisters would go to school and me and my mum would bake fairy cakes. Shall I start off with my questions?

JO Yes, please do, darling.

Judith What would your job be if you weren't a chef?

JO I would probably be a carpenter. Because I'm not very good sitting at a desk or being an academic. I'm better with my hands, and I always loved the slightly romantic idea of starting with bits of wood and being able to create something to sit on, to eat from, to store your clothes in.

Judith OK. What is your favourite comfort food?

JO Probably a bowl of spicy pasta with a zingy salad. I do love a pasta.

Judith When you were a student, did you cook beans on toast and other studenty food?

JO Yeah. I've cooked just about everything really. I could cook from quite an early age – purely because I liked it. Nothing flashy, it was like omelettes, scrambled eggs, went on to pizzas…

Judith Which three recipes could you not live without?

JO Oof. My mum's roast chicken on a Sunday. Definitely pasta. Um … a really good steak.

Judith Which famous person have you most enjoyed meeting?

JO Ooh, good question… I guess Brad Pitt.

Judith When did you meet him?

JO On his 40th birthday. I was his present and they flew me over from England. I was the surprise, and I cooked him a beautiful dinner, and he had about 12 friends around the table and they were all people that you'd recognise. He's a really nice guy, really fun, generous, and I've seen him ever since.

Judith What is the biggest mistake you have made on television?

JO Probably when I was working in Japan. I was making a pasta dish and I'd just bought a £350 Japanese Samurai-like knife that was made from the finest carbon steel, and I end up lopping off half my finger, live on telly. I had to pretend it never happened, and wrap my towel around my finger so they didn't see the blood rushing out. I carried on cooking like a pure professional, but I didn't tell them there was a bit of my finger in it. And then they ate it! In Japan, they do adverts live in the same studio. So when they cut to adverts, I went, "AAAAAAAAGH!" and the advert was about five metres away from me, live. This poor woman was trying to sell some version of Daz Automatic, and for about four seconds there was me screaming.

Judith At home, what is your favourite meal to cook?

JO I love roasting because you can give it love, get it in the oven and go and play with the kids or whatever you've got to do, and then hours later you've got a lovely dinner. Also, my wife is obsessed by roast dinners – she makes me do extra gravy.

Judith If you could relive any of your memories, what would it be?

JO Um. Wow. Probably when I met my wife, Jools. It was very exciting, and I hadn't ever had a proper girlfriend – well, hadn't fallen in love before – and that's a very exciting time. It's embarrassing stuff to talk about, but when you connect with someone and you feel you've got something special, it's always a little gold memory. And then, hopefully, you end up getting married, and love grows into something else. When I first met my wife, she had hair just like yours, actually, and she used to wear drainpipe cords and DM boots. I think she was a goth or something. The first thing she did was look at me and fall over. So it was obviously meant to be. Have you got a boyfriend?

JO Keep it that way!

Judith What has been your biggest challenge?

JO Oh God. Well, apart from trying to be a good dad and a good husband, which you have to work hard at, I think probably the project I've just done, the Ministry of Food. I don't really like going to places where you're going to get grief, but I've made quite a habit of it. [Laughs] But sometimes you gotta do what you gotta do. And it's worth it in the end. School Dinners was the Same. I got a lot of abuse for two years, but it was important.

Judith Did you stay in contact with Nora and the schools involved in Jamie's School Dinners?

JO Yes, I saw her about three weeks ago. Although we had a bumpy start because we came from different worlds, I would go as far as saying we quite love each other now. I'll know her for the rest of my life. She's an incredibly hard worker who would put most chefs to shame. I introduced her to Prince Charles once and it was just hilarious, cos she was exactly the same. She would have ticked him off if he'd said anything out of place.

Judith Have there been any times in your career when you've wanted to give up?

JO All the time, absolutely. I call it creative paranoia, questioning yourself on a daily, hourly basis. Like this programme that I've got at the moment, I've probably thought about giving it up six or seven times, but then something magical would happen with someone.

Judith Do you have any tips for children that want to cook?

JO Yeah, just try and convince Mum and Dad to let you do it. Make a bit of a mess once a week. You know, get stuck in. If you really like food, there's nothing like getting a job in a local restaurant or pub. What I learned in my dad's pub when I was working for my pocket money, I still use today.


Assista o vídeo: Jamie Olivers son Buddy is already following in his cooking footsteps. Heart (Agosto 2022).